FORMAÇÃO DO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO -AEE

Formação AEE

Na manhã do dia 20 de junho, professores do Atendimento Educacional Especializado – AEE da rede municipal e estadual, coordenadores das escolas municipais e diretores das escolas de educação infantil participaram de mais uma formação continuada.
O primeiro tema a ser abordado tratou das dificuldades de aprendizagem e transtornos de aprendizagem que atingem um número elevado de crianças nas nossas escolas, sejam elas municipais ou estaduais. A comunicação sobre esse tema ficou a cargo das fonoaudiólogas Bianca Dresch e Maribel Fachinetto da FUMSSAR, que destacaram a diferença entre dificuldades de aprendizagem e transtornos de aprendizagem e a forma como o profissional fonoaudiólogo trabalha com cada uma delas.
Segundo a coordenadora do AEE, Marilú Ester Rockenbach, da Secretaria de Desenvolvimento Educacional Especializado, 50 % dos alunos em avaliação no Atendimento Educacional Especializado apresentam algum tipo de dificuldade de aprendizagem ou transtorno de aprendizagem e não apresentam deficiência.
O segundo tema abordado foi Distrofia Muscular de Durchenner. O tema foi destacado pelo fisioterapeuta Rafael Iagher que faz parte do Movimento Duchenner. Rafael sinalizou que a Distrofia de Duchenner acomete os meninos e as meninas podem carregar a mutação que causa a doença e manifestar alguns sintomas mais leves do que os meninos. A Distrofia de Duchenner causa fraqueza dos músculos e evolui para dificuldades motoras como caminhar, correr e, nos estágios mais avançados, causa dificuldades para respirar e necessidade de ajuda para realizar atividades da vida diária como colocar a roupa, comer e escovar os dentes.
Algumas professoras do AEE, embasadas pela experiência, destacaram que há muitas dúvidas sobre como ocorre o desenvolvimento das crianças que apresentam a Distrofia de Duchenner, principalmente em relação à aprendizagem e às adaptações que necessita essa criança.

–Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>